Título da Redação: Redação sem título.

Proposta: A “Camarotização” da sociedade brasileira: a segregação das classes sociais e a democracia

Redação enviada há mais de 1 ano por Laura Pereira


A camarotização é um assunto que vem sendo muito discutido. Esse neologismo é derivado da palavra camarote e consiste na separação dos elementos na sociedade. É a elitização da mesma, causando então a segregação social, na qual muitos têm pouco e poucos têm muito.
Esse fenômeno social ainda ocorre nos dias de hoje e é resultado de anos de desigualdade social e de uma sociedade dividida entre a classe alta e a classe baixa. Tal divisão, tem como fatores principais as condições financeiras e a qualidade de vida. Com isso, grande parte da população é prejudicada, já que o que lhes resta são as áreas periféricas, com difícil, ou até mesmo inacessível, acesso ao saneamento básico e que contam com saúde e educação precárias.
Muitas vezes, as diversas situações cotidianas em que há indícios desse fenômeno passam desapercebidas. Como em voos divididos em primeira e segunda classe, por exemplo, há muitas situações nas quais quem pode pagar um valor mais alto, terá um nível mais alto de segurança e conforto.
Para que tal problema seja sanado, um novo conjunto de leis deve ser implantado, assim como projetos de integração social. Algo que possa estabelecer a extinção de áreas vips e implementação de proteção e comodidade uniforme para todos, para que haja igualdade social.


Deixe seu comentário

  • Campo obrigatório


Comentários enviados

  • Correção Gratuita
    Enviado por Jéssica Gomes da Silva

    Olá! Vamos falar um pouco da construção da sua redação e dos principais pontos observados. Primeiro, é importante ressaltar que nossa intenção é pontuar as potencialidades e oportunidades de melhoria encontrados no seu texto, tendo em vista a aplicação dos conceitos avaliativos do ENEM, assim você pode melhorar a estrutura da sua redação, aprimorando-a. Alguns pontos importantes: 1) Você cumpre os requisitos para construção de um texto dissertativo-argumentativo em prosa, que são sintetizados em introdução, desenvolvimento e proposição/conclusão. Isso é importante e um bom começo. 2) O tema proposto é amplo e possui uma diversidade de informações que podem ser utilizadas por você para compor sua argumentação, por isso selecionar outras fontes e dados, exteriores ao seu ponto de vista é importante, pois elas reforçam seus argumentos e corroboram sua perspectiva. Nesse texto você argumentou muito e mostrou seu ponto de vista, isso é positivo, mas, é necessário reforçar seus argumentos. 3) Outra dica é incorporar ao seu texto outros pensadores/ideias exteriores ao tema, mas que se forem bem articulados aos seus argumentos podem enriquecer seus argumentos. Aqui faço um adendo, apenas, por ponderação: Fique sempre atento às citações que você fizer. Elas podem te ajudar desde que você garanta que elas estejam articuladas aos seus argumentos. 4) Sua proposta de intervenção apontou ações amplas, porém, genéricas. Nas etapas do plano você não apresenta os responsáveis pela implementação e execução das ações sugeridas. É importante que na proposta de intervenção você seja específico, então quando sugerir qualquer ideia aponte, de fato, quem a colocará em prática, quem serão os responsáveis por ela. Será uma secretária x ou uma ONG y? Como diriam os antigos: "Dê nome aos bois." Quanto mais claro e objetivo você for na sua proposta de intervenção, melhor. Imagine como você gostaria de mudar o cenário que apresentou e quem seriam as pessoas ou instituições envolvidas nesse processo e, importante, como você faria isso acontecer na prática.

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás