Título da Redação: Uma peça fundamental

Proposta: Humanização no Atendimento à Saúde.

Redação enviada há mais de 2 anos por Nati Dias


“A vida que professar será para benefício dos doentes, nunca para prejuízo deles ou com malévolos propósitos”, este trecho do Juramento de Hipócrates, do ano de 1771, é utilizado ainda hoje na Outorga de Grau dos profissionais da área de saúde, e retrata a importância do respeito e amor pela vida que se deve vir dos que trabalham em tal área. No entanto, atualmente, percebe-se o descaso e falta de recursos voltados à área de saúde, tornando ainda mais difícil um atendimento humanizado, sendo este, peça fundamental para a recuperação sadia do paciente em questão.
Podemos constatar que, somando a uma imensa falta de estrutura e recursos em boa parte dos serviços públicos de saúde prestados pelo nosso país, sejam em grandes ou pequenas cidades, juntamente com a falta de profissionais em relação a demanda necessária, torna-se um verdadeiro desafio haver um atendimento humanizado satisfatório e fundamental àqueles que já se encontram debilitados.
Na medida em que se percebe a falta de profissionais na área da medicina, as universidades acabam distorcendo os valores em relação à qualidade da formação e à necessidade. Com isso, tem-se visto inúmeras universidades no Brasil sendo reprovadas pelo MEC por falta de estrutura, corpo docente preparado, dentre outros fatores necessários para a formação de bons médicos.
Por outro lado, ultimamente, observamos casos e mais casos de negligências por parte dos médicos que apenas fazem o que acham cabível, sem ouvir, compreender, acolher e considerar as queixas e necessidades do paciente, uma vez que já se provou a estreita relação entre o bem-estar psicológico e fisiológico.
“Não contesto que a medicina é útil, mas digo que alguns profissionais a tornam funesta” esta citação feita pelo filósofo Jean-Jacques Rousseau se enquadra perfeitamente em boa parte da realidade do serviço de saúde do nosso país. Logo, é evidente a necessidade de investimentos físicos e tecnológicos na área, bem como, a importância da qualidade na formação de profissionais compromissados com a vida, através de disciplinas como psicologia e ética voltada ao ser humano, podendo assim, fazer com que a peça fundamental – a humanização –finalmente se encaixe neste “quebra-cabeça”.
Obs.: Minha letra é pequena.


Deixe seu comentário

  • Campo obrigatório


Comentários enviados

  • Correção Gratuita
    Enviado por Heloisa Ribeiro Rodrigues

    Caro aluno, você tem um bom domínio da modalidade formal da língua! No entanto, alguns erros recorrentes empobreceram o seu texto, tais como: o mal uso de vírgulas - bem como de pontuação, em geral -, certa confusão no emprego de artigos, preposições, crase e aspas e, principalmente, uma linguagem ligeiramente previsível e limitada. Diversifique a sua escolha de recursos coesivos e lexicais, de modo que a sua redação se torne cada vez mais organizada, madura e refinada. A sua argumentação e o seu repertório cultural se mostraram, por outro lado, bastante coerentes e enriquecedores, o que é excelente. Estude os pontos mencionados e continue praticando, pois você tem potencial. Grande abraço, Heloisa.

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás