Entenda tudo sobre como funciona concurso público

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Muita gente sonha em ser concursado, mas poucas sabem realmente o que é este universo do concurso público. Pensando em esclarecer tudo sobre esse assunto, produzimos este artigo para organizar e explicar tudo o que você precisa saber sobre como funciona concurso público. 

Você sabe o que é o concurso público? Você sabe quais são os critérios para fazer um concurso? Conhece as etapas do processo? Já sabe quais são os reais benefícios de ser concursado?

Para que você encontre o que ainda te deixa em dúvida sobre esse assunto, selecionamos o que é essencial para você dominar esse universo. Mas antes de iniciarmos as explicações sobre os detalhes que envolvem os concursos, precisamos saber o que ele é

O que é concurso público?

O concurso público é um processo seletivo que permite o acesso a um cargo público. Sendo um processo amplo e que tem como propósito a garantia de uma seleção democrática, é um sistema impessoal em que a igualdade de oportunidade aos candidatos é assegurada.

Uma vez que está estabelecido, em nossa Constituição, a necessidade da realização de concursos públicos para provimento de cargos e empregos públicos da Administração Pública, a existência do concurso público, no Brasil, é obrigatória.

Esse processo seletivo pode ser dividido em etapas, como prova discursiva e testes físicos, também pode exigir avaliação de títulos e cursos de formação. Independente do formato escolhido pelo órgão responsável pelo concurso, uma regra é: você vai passar por uma seleção composta por, no mínimo, uma prova de múltipla escolha. 

O que é preciso para fazer concurso público?

Se você está nos acompanhando até aqui, tenho certeza que essa pergunta já passou por aí e que, talvez, você ainda não tenha conseguido uma resposta que tenha te deixado seguro(a). Bom, ainda bem que, pra gente, problema dado é problema resolvido.

Como o nosso intuito aqui é tornar tudo o que envolve o universo dos concursos o mais acessível possível para você, vamos, de forma simples, completa e clara, ao que interessa. É hora de descobrir mais detalhes sobre como funciona concurso público!

Não é muito o que você precisa para fazer concurso público. É claro que algumas exigências variam de acordo com o órgão responsável pelo o exame, mas tudo sempre será pautado no que é estabelecido pela lei. E para saber sobre as particularidades de cada processo basta sempre estar atento(a) ao edital.

Na maior parte dos casos, o que é cobrado de uma pessoa que pretende um cargo público é:

  • nacionalidade brasileira 
  • idade mínima de 18 anos
  • aptidão física e mental
  • quitação de obrigações militares 
  • quitação de obrigações eleitorais
  • estar no gozo dos direitos políticos
  • não ter vínculo empregatício coexistente com iniciativa privada

Além desses requisitos que acabamos de listar, um passo muito importante para quem quer se tornar um agente público é saber como passar em um concurso.

Como já afirmamos o compromisso de entregar a vocês tudo muito completo, simples e claro, comece a se preparar para a sua aprovação agora mesmo. Confira o guia sobre como estudar para concurso e dê o primeiro passo para iniciar a sua carreira pública!

Precisa ser formado(a) para fazer concurso público?

Como já tratamos aqui, algumas variações de critérios podem acontecer de acordo com o órgão responsável pelo exame, e isso sempre estará muito bem destacado nos editais dos concursos que você vai prestar. Mas vamos a algumas situações que podem esclarecer as dúvidas que surgiram por aí.

Existem níveis de escolaridade que podem ser exigidos nos concursos, eles variam de nível fundamental incompleto até o nível superior completo. Você já deve ter ouvido, por exemplo, que o concurso tal é para nível superior.

E o que isso significa? Se você tem nível fundamental completo , nível médio completo, nível superior completo ou incompleto (isso mesmo, incompleto, aguarde para uma valiosa dica!), você pode prestar esse concurso. Seguindo essa lógica, quem tem apenas nível médio, por exemplo, não poderá prestar um concurso de nível superior.

Olha a dica valiosa!

Lembra da dica valiosa? A super dica é para quem quer prestar um concurso a nível superior, mas ainda não se formou. Sabemos que muitos estudantes, antes mesmo de pegar o diploma, já estão se preparando para um cargo público e nós queremos te ajudar nessa jornada!

Sim, é possível passar em um concurso a nível superior sem ter se formado! 

Me acompanhem aqui para saber como isso pode acontecer. Para isso, mais uma vez, teremos o edital como o nosso aliado nessa jornada. Se você ainda não sabe, o edital é considerado a lei do concurso, é ele que vai comandar tudo que envolve aquela seleção. 

Mas como isso se relaciona com a situação de passar em concursos sem ser formado? Simples: ao ler alguns editais, você vai perceber que muitos só exigem o diploma na hora da posse do cargo.

E o que é isso na prática? Você pode se preparar para fazer a prova, pode prestar o concurso, obter a sua aprovação e continuar fazendo a sua graduação até a data da nomeação. Muitas vezes, a nomeação pode não ser imediata, então, está aí mais uma chance de garantir o seu cargo público dos sonhos 😉

Quais são as etapas iniciais de um concurso?

Agora que já sabemos o básico sobre como funciona concurso público, vamos caminhar mais um pouquinho nesse universo. As etapas de um concurso público não são apenas: edital, provas, nomeação. Há algumas fases sobre o processo seletivo que valem a nossa atenção para que possamos dominar ainda mais tudo que envolve a sua aprovação

É aquilo que tanto falamos por aqui: nada melhor do que conhecer aquilo que estará nos desafiando. E tem aquela outra ideia boa também: só o conhecimento salva! Bom, agora que a gente já descontraiu um tanto, vamos ao que você precisa saber sobre as etapas de um concurso público.

1. Pré-edital 

É a fase antes do edital sair definitivo para publicação. Nessa etapa, os órgãos responsáveis pelo concurso criam uma comissão de profissionais da área para discutirem as questões essenciais para o processo  e, consequentemente, melhor elaborarem os critérios exigidos. É nessa fase que é feito o levantamento do número de vagas e quais serão os cargos disponibilizados, por exemplo. Caso o pré-edital seja aprovado, o concurso terá autorização para acontecer.

2. Determinação da banca examinadora

É a etapa após a autorização do pré-edital. Depois que a aprovação acontece, é liberada uma licitação para que instituições organizadoras especializadas em processos seletivos se candidatem para serem responsáveis pela elaboração e avaliação da seleção dos(as) candidatos(as). O órgão responsável pelo concurso, então, escolhe a instituição mais capacitada em relação às especificações legislativas sobre o tema. 

3. Divulgação do edital

Agora que já temos uma instituição responsável pelo processo seletivo e uma comissão organizadora composta por profissionais do órgão responsável pelo concurso público, é hora de, finalmente, publicar o edital. Esse é um dos momentos mais esperados por todos(as) os(as) concurseiros(as), nós bem sabemos. É quando temos a certeza de que aquilo realmente vai acontecer.

E para quem está começando agora, aqui vai uma dica de ouro: não espere o edital sair para começar a estudar. Há muitas outras formas de começar a se preparar.

4. Inscrições

Depois que o edital é publicado, devemos ficar atentos e atentas com os prazos das inscrições. Muitas vezes, há um intervalo entre a publicação do edital e o início das inscrições, mas pode ser que isso não aconteça, então é bom sempre estar ligado(a). Outro ponto importante também é ficarmos de olho nas possíveis alterações de datas. 

Agora que está tudo nos conformes quanto à papelada mais burocrática, é hora de acelerar com os estudos. Depois de fazer a inscrição, é hora de se preparar com excelência! Para isso, veja também o nosso passo a passo sobre como passar em concurso público.

Confira 10 dicas infalíveis de como estudar para concurso e garantir a sua nomeação!

Mariana Pacheco

Mariana Pacheco

Letrista da UFG. Educadora por aí. Mestra das redações. Fã das minhas cachorras e de texto bão!

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Posts relacionados

Minicurso Gratuito de Redação para o Enem

Garanta o seu acesso gratuito ao minicurso de redação para o Enem 2020.
limitado

Acesse nosso podcast TEMAS COMENTADOS

A cada semana lançaremos um podcast com um tema de redação comentado para você praticar. Rumo à #nota1000