[Passo a passo] Como passar em concurso público

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Para que possamos te ajudar a ter sucesso nesta sua escolha, neste artigo, reunimos tudo o que você precisa para dominar o universo dos concursos. Preparamos o passo a passo mais completo de como passar em concurso público com as melhores dicas de planejamento de estudos.

Estudar para concursos pode ser bem assustador para muita gente. É certo que muitas dúvidas e inseguranças aparecem quando vamos iniciar algo em nossas vidas, principalmente quando é uma situação que já sabemos ser desafiadora.

Mas aqui acreditamos que esta jornada preparatória não precisa ser o fim do mundo, na verdade, para nós, é o início de um mundo repleto de conquistas! 

Não acreditamos em fórmulas mágicas, em propostas milagrosas. Nós queremos que você se prepare de verdade, e não que você seja enganado(a) e siga dicas falaciosas. Defendemos que a garantia de bons resultados vem com um planejamento realista e estratégico! 

Como começar a estudar para concurso público?

Um erro muito comum que já observamos é não estudar antecipadamente. Como assim? Muitos(as) concurseiros(as) esperam o edital sair para iniciarem os estudos preparatórios. Mas para quem quer passar em concurso público isso não pode acontecer.

E é aí que mora um dos grandes perigos. Além de você ter desperdiçado tempo e ter deixado de investir em sua aprovação, é certo que a ansiedade vai bater na sua porta rapidamente, o que pode te prejudicar, e muito, a manter uma rotina produtiva de estudos.

É claro que estudar após o edital ter sido publicado pode facilitar muito a sua vida, mas devemos nos preocupar também com as atitudes que podem dificultar os nossos processos. 

Comece a estudar antes mesmo do edital ter sido publicado

Sabemos muito bem que estudar para concurso público exige muito, e que, muitas vezes, é cansativo, que podemos nos desesperar em muitos momentos e querer desistir. E é justamente por saber que tudo isso pode acontecer que devemos fazer escolhas mais assertivas para antecipar e saber evitar futuros impasses, só assim passar no concurso público dos seus sonhos pode ser tornar real.

Uma das atitudes positivas que podemos ter é começar a estudar antes mesmo do edital ter sido publicado.

  • Leia editais anteriores
  • Pesquise sobre os processos seletivos passados
  • Analise as provas que já foram aplicadas
  • Investigue quais são as principais bancas da área do seu concurso

Esta lista apresenta as ações mais produtivas para quem quer se preparar com excelência. Seguir este roteiro, além de sair na frente de muitos concorrentes, é dar o primeiro passo estratégico para planejar e executar um plano de estudos que de fato vai funcionar. 

Não precisamos de muito para explicar a importância desta dica. Afirmamos que isso é vantajoso pelo simples fato de que é muito mais produtivo executar uma tarefa quando temos mais informações sobre ela.

Saber o estilo da prova, como as questões são estruturadas, quais são as matérias consideradas básicas, se haverá redação, se serão avaliados títulos são informações extremamente úteis para que você domine o universo dos concursos públicos mais concorridos do país

Lembre-se sempre de que o edital é a lei do concurso público, pensando nisso, ele deve ser um dos seus melhores aliados nessa jornada preparatória. 

O que priorizar na hora dos estudos?

Você que nos acompanhou até aqui já sabe que um dos primeiros passos rumo ao sucesso na jornada do concurso público é conhecer quem vai te desafiar. Como você não vai deixar escapar essa chance de ser aprovado(a), você já foi atrás de saber tudo sobre o edital e as provas anteriores. Então, podemos começar a planejar os estudos com mais qualidade. 

Agora que você já conhece mais sobre o processo seletivo, você já deve ter percebido, ao longo de suas leituras, que alguns conteúdos se repetem nos editais como matérias básicas. Você também já conseguiu identificar os temas específicos que podem ser cobrados. E, além disso tudo, já notou que algumas matérias têm mais peso do que outras. 

Estando abastecidos(as) com essas informações, agora é hora de selecionar o que você deve priorizar na hora dos estudos. O que deve ser levado em consideração nesta etapa, portanto, é o peso de cada matéria e o nível de dificuldade, para você, de cada conteúdo que será cobrado.

Para colocar em prática a teoria, você precisa ser honesto(a) com você mesmo(a), uma vez que é hora de identificar quais são as disciplinas que você tem mais dificuldade e as que você tem mais facilidade.

Comece a estudar as matérias que têm maior peso e que são mais difíceis a fim de que você tenha mais tempo para se preparar. Depois disso, inicie os estudos das matérias de maior peso e que apresentam menor nível de dificuldade.

Como me organizar para estudar?

Apenas estudar em excesso não vai te fazer ser aprovado(a) no concurso dos seus sonhos. Sim, é isso mesmo! Largue mão da ideia de que quem se mata de estudar é quem vai passar.

Assim como as fórmulas milagrosas não funcionam, estudar sem propósito, sem planejamento, sem estratégia e sem organização também não vai te levar a lugar algum. Para que você consiga colocar o que vimos até aqui em prática, para criar um hábito de estudos, você precisa, antes de tudo, de organização.

Com tudo em ordem, tenha certeza de que você se tornará um(a) agente público rapidamente.

Organize o seu ambiente de estudos

Se você pensa que só passará num concurso público se tiver um escritório planejado, pare agora, ajeite a postura e leia atentamente o que vou dizer agora. Você não precisa de um renomado designer para organizar o seu ambiente de estudos.

Não é isso que vai melhorar o espaço para que você tenha foco e determinação. Não é isso que vai te fazer acertar mais questões ou fazer com que você bata as suas metas mais rapidamente.

Você não precisa de muito para organizar o seu ambiente de estudos. O primeiro passo para começar a organizar o seu espaço é escolher um cômodo da sua casa que seja mais sossegado, sem tanta movimentação e que seja bem iluminado e arejado. Tudo isso é para que você possa estar confortável e tranquilo(a) para se concentrar e render bastante nos estudos. 

Escolhido o lugar, é hora de arrumar o que será necessário para habitar esse espaço. Escolha uma mesa que possa receber os materiais que você vai utilizar na hora das leituras e resoluções de exercícios, e que também tenha espaço para os seus marcadores, canetas, post-its e um copão d’água – pensar no sucesso futuro é também pensar na sua saúde! 

Outro elemento muito importante na hora dos estudos é o nosso material, os livros e apostilas. Para que eles também estejam organizados, você precisa separar um lugar para guardá-los.

Pense num espaço que seja de fácil acesso para que você não precise de muita movimentação para acessar o que será necessário na hora das suas pesquisas, assim você evitará algumas distrações, tipo aquela conversa sobre o que está passando na TV naquele momento. 

Organize o seu tempo 

O tempo pode ser o inimigo de muitos(as) durante essa jornada preparatória, mas com você será diferente. Atente-se ao que será apresentado aqui para fazer as pazes com o tempo. 😉

Para você ter o tempo como o seu aliado, você deve observá-lo. Isso mesmo que você leu: parar para olhar o tempo. O que quero dizer com isso? Você deve observar e analisar como você lida com o tempo do seu dia. Como colocar isso em prática? Muito simples, basta seguir o que vem logo em seguida:

  1. Monte um quadro de horários
  2. Liste quais são as suas atividades diáriasimportantíssimo não esquecer de anotar quando vai dormir e quando você acorda, isso também faz parte da sua rotina, viu?)
  3. Marque os horários que restaram, serão eles os momentos de estudo

Ainda não tem um modelo de quadro de horários? Preparamos um para você, basta clicar aqui para descobrir como observar e administrar o seu tempo de forma produtiva.

Como planejar os meus estudos?

O que estudar primeiro: OK! Ambiente de estudos: OK! Organização de tempo: OK! Bom, se você chegou até aqui e está atento(a) a tudo que já falamos, saiba que você já sabe muito sobre como passar em concurso público. E agora vamos para a última etapa do nosso passo a passo: planejamento de estudos.

Você já sabe que fórmula mágica não funciona, que estudar exaustivamente só vai te cansar e, por isso mesmo, pode te afastar da aprovação. Então, o que fazer? Ter estratégia, planejar, executar e avaliar

Métodos de estudo

Antes de aprofundarmos aqui, é importante você saber de um detalhe muito importante: você não é todo mundo! Por que estamos dizendo isso, que pode ser novidade para muitos(as)? Sabe aquela técnica TOP que você viu no anúncio do Facebook? Pois é, ela pode não ser tão TOP assim para você. Por quê? Porque você não é todo mundo. 

Nem tudo que deu certo para mim vai funcionar para você. Somos pessoas diferentes e, portanto, aprendemos de formas diferentes. Pode ser que você entenda melhor quando está lendo em voz alta, pode ser que você compreenda melhor quando faz um mapa mental. Pode ser muita coisa.

Dito isso, é preciso que você saiba o que vai ser melhor para você . E para que isso aconteça, vamos às dicas de ouro que te farão passar no concurso público tão sonhado!

Em primeiro lugar, é importante que você seja realista e identifique o que é mais produtivo para você. Não se iluda com os métodos milagrosos, eles, na verdade, podem estar te afastando da aprovação.

Outro ponto importante a ser destacado aqui é: método tem que ser algo simples, quanto mais complexo for para você, mais você estará dando voltas e não chegando a lugar algum. 

Em segundo lugar, é importante ter alguns critérios para escolher o melhor método para você. Você deve avaliar se o método é claro, se há um passo a passo bem delineado e se ele pode ser adaptável. Além disso, faça três perguntas para averiguar a validade da técnica:

  • O que vou aprender?
  • Quando vou aprender?
  • Como vou aprender?

Avaliação de desempenho

Como saber se o que você está fazendo está funcionando? É necessário fazer uma análise do seu processo. Sem isso, você facilmente pode estar cometendo erros e, pior ainda, permanecendo neles. Errar é OK, o problema é não saber identificar, é não saber como driblá-los. 

Agora que você já escolheu os métodos de estudos, já sabe quais horários deve seguir e quais conteúdos deve estudar, é hora de avaliar se os objetivos estão sendo alcançados. Você já aprendeu tudo sobre aquela matéria de maior peso e maior dificuldade? Ainda não? Então é porque algo ainda não está muito certo. 

E o que fazer quando isso acontecer? Para e analisar o seu processo. Como você está estudando aquele conteúdo? Qual horário? Você está fazendo resumos? E as revisões? Não tem essa parte das revisões no seu método de estudos? Algo, então, pode estar muito errado.

É hora de mudar. É hora de investigar e escolher técnicas mais assertivas. Chegou a hora de passar no concurso público que você tanto deseja!

Quer saber mais sobre técnicas e métodos produtivos? Precisa de mais estratégias sobre como avaliar o seu desempenho? Não sabe como definir objetivos de estudo? Está precisando turbinar o seu plano de estudos? Conheça o nosso Guia sobre como estudar para concursos!

Mariana Pacheco

Mariana Pacheco

Letrista da UFG. Educadora por aí. Mestra das redações. Fã das minhas cachorras e de texto bão!

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Posts relacionados

Minicurso Gratuito de Redação para o Enem

Garanta o seu acesso gratuito ao minicurso de redação para o Enem 2020.
limitado

Acesse nosso podcast TEMAS COMENTADOS

A cada semana lançaremos um podcast com um tema de redação comentado para você praticar. Rumo à #nota1000