Título da redação:

Autista Invisível

Tema de redação: Os dilemas encarados pelas pessoas autistas na sociedade brasileira

Redação enviada em 06/05/2018

Em 1908 o psiquiatra suíço Eugem Bleuler usou pela primeira vez o termo " autismo" para descrever um grupo de sintomas associados a esquizofrenia. Nesse contexto, a atual luta da interação dos autistas na sociedade brasileira, enfrenta barreiras, seja pela discriminação social, como também a equiparação dos autistas com as demais pessoas. Mormente, o preconceito ligado as limitações de um autista tendem a se intensificar quando os demais portadores vão em busca de seus direitos, haja vista que, segundo o portal " G1 ", á cerca de 2 milhões de pessoas com o transtorno no Brasil. Dessa maneira, a introversão e a forma reservada de viver acaba - os rotulando como antissociais e até mesmo são chamados de mongoloides. Outrossim, segundo o médico Drauzio Varella: " Todo ser humano tem suas limitações ". Ademais, as comparações que são designadas a compreensão e agilidade dos autistas corroboram os conflitos entre a sociedade. Destarte, a dificuldade de aceitação das limitações dos autistas geram a exclusão e invisibilidade dos mesmos no meio social. Torna - se evidente, portanto, que a interação dos autistas na sociedade brasileira deve acontecer. Para tanto, o MEC poderia atuar nas escolas disseminando o respeito e a igualdade com os portadores do autismo por meio de palestras, administradas pelos professores para seus alunos. Além disso, o Poder Legislativo poderia elaborar uma emenda constitucional, visando a fortificação da participação de pessoas autistas nas escolas, nas empresas e em toda sociedade atendendo suas necessidades e, em conjunto ONGs poderiam elaborar projetos de expansão visual para os autistas por meio de jogos, esportes, debates e conversas estimulando a interação das mesmas com as demais pessoas das sociedade.