Título da redação:

Enxergando e aceitando a realidade

Tema de redação: Evolução do conceito de família

Redação enviada em 13/05/2015

O ato de cuidar e zelar pelo bem estar de outro alguém. Seria fácil definir desse modo Família. Porém, mesmo vivendo as modernizações do século XXI, o preconceito ainda aflora em questões simples como essa. Contudo, esses ideais de segregação afetam a gestão do país, criando barreiras para se chegar ao futuro... Um futuro onde a igualdade de direitos impera. Atualmente há forte consciência da necessidade de se provar a igualdade de uma sociedade. Após tantos anos de imposição da segregação, os governos hoje tentam políticas afirmativas para diminuir o abismo social e conservador. Entretanto, em algumas questões básicas, como o casamento gay, adoção de crianças, direitos de gêneros GLBTs, igualdade entre homens e mulheres, o lado conservador vence. Assim, em um exemplo prático, no Brasil, em 2014, a Câmara dos deputados lançou uma enquete popular com o intuito de definir o que seria uma família. Pergunta focada no gênero sexual, a população e os políticos se dividiram: de um lado os defensores da família tradicional e do outro da igualdade, Independente do resultado da pesquisa, o ato em si é o importa. Questionável que bandeiras e indagações desse tipo ainda sejam levantadas, principalmente dentro do governo, que deveria zelar pelo bem estar de todos. Todos! Sendo assim, fechando os olhos para o preconceito e abrindo os para a realidade percebe se que tudo é simples: Família é quem cuida e zela pelo bem estar do outro alguém. Isso é o mundo real, com a diversidade dentro de cada um. Logo, é preciso descartar essas raízes do passado. Humanos são diferentes, famílias são diferentes. Portanto, é preciso aplicar direitos iguais para toda a forma de grupo familiar. Esse papel, que é exclusivo do governo, deve ser feito pela manutenção das leis para os novos tempos.