Título da redação:

o pão de cada dia que nos tiras hoje.

Tema de redação: O cenário do mercado de trabalho no Brasil

Redação enviada em 26/02/2016

O cenário econômico brasileiro encontra-se em estado grave. Na medida em que esta situação se agrava, a taxa de desemprego toma rumos assustadores. Assim, fica claro e evidente que a classe operária desprovida de qualificação- por falta de estudo- sofrem calados pelos cortes salariais destinados ao pão de cada dia. Os cofres brasileiros sofrem desde o ano de 2014 a falta de dinheiro responsável por assegurar questões sócio-políticas do país, como consequência da operação lava jato que envolveu cargos políticos e que a partir dela a taxa de desemprego cresceu de forma gritante atingindo, principalmente, as classes menos favorecidas. De acordo com o ministério do trabalho e do emprego mais de meio milhão de pessoas perderam seus empregos devido à crise econômica enfrentada pelo país. Já dizia Karl Marx, que o estado- sendo este capitalista- é o órgão de administração das coisas da burguesia. Desse modo, não seria novidade que os mais afetados seriam as classes operárias que sem esperança de mobilidade social e a falta de incentivo à educação e a qualificação profissional, sofrem por perderem o pouco que era dado para sustentação familiar e pelo pão de cada dia, enquanto os reais culpados por isso usufruem de forma livre o que deveria ser nosso. Portanto, para que a taxa de desemprego diminua e a economia cresça de forma proporcional e que atenda a todas as classes sociais, o governo deve reaver os seus conceitos de poder e política, fiscalizando de forma eficientes os gastos e os saldos econômicos brasileiros. Além disso, os órgão governamentais devem ainda incentivar e promover programas de qualificação profissional, principalmente aos proletariados, como é o caso de pronatec, programa eficiente na qualificação profissional, mas que deve ser ampliado para que possa atender a um maior número de pessoas como forma de reduzir as taxas negativas de desemprego.