Título da Redação: Robotização de médicos

Proposta: Humanização no Atendimento à Saúde.

Redação enviada há cerca de 3 anos por Hector Gabriel


A crescente opção pelo curso de medicina no Brasil está diretamente relacionada com a sociedade de aparência e consumo, já que o país carece de médicos, e portanto, supervaloriza o cargo. Essa escolha, porém, quando pautada apenas em aspectos econômicos, e deixa de lado o teor social, expõe a sociedade a profissionais insensíveis e mecanizados.
Essa problemática começa com a má forma como são selecionados os futuros doutores. Em países como os Estados Unidos, por exemplo, o processo de seleção é dado por meio de prova, entrevista e avaliação do currículo escolar do aluno, e assim permite uma análise maior da sua personalidade. No sistema brasileiro, todavia, a maioria dos vestibulares do país consideram unicamente o conhecimento teórico do concorrente, e dessa forma não se sabe o quanto o candidato está preparado psicologicamente.
Além disso, poucas são as faculdades que prezam por terem matérias de cunho social em sua grade curricular. O estudante é, então, pouco sensibilizado à realidade dos mais necessitados, e quando se forma não apresenta interesse em atuar na rede pública, resultando em medidas governamentais como o programa Mais Médicos.
O grande expediente dos médicos também colabora para a mecanização deles, já que com o passar das horas o cansaço o vence e a distração predomina. Isso deixa o paciente a mercê de um atendimento mal feito, o que culmina em erros, que vão desde receitas erradas até o esquecimento de objetos dentro da pessoa em uma cirurgia.
Diante disso se forma profissionais robotizados e pouco sensíveis, e por isso surge a necessidade de mudar a forma como serão escolhidos os próximos. Dessa forma, as instituições de ensino superior poderiam integrar ao processo de seleção, uma parte de entrevistas, realizada após o vestibular tradicional. O conselho federal de medicina poderia, também, legislar a obrigatoriedade, de cada individuo formado, realizar ao menos vinte e quatro horas por ano em serviços comunitários. Assim sendo, o juramento de Hipócrates, pai da medicina, não será tão hipócrita quanto no século atual.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás