Título da Redação: Humanização no atendimento a saúde: uma arma contra a morte indevida

Proposta: Humanização no Atendimento à Saúde.

Redação enviada há quase 3 anos por Manu Barrozo


Bom relacionamento entre pacientes e médicos. Esta ação representa um importante fator no processo de atendimento à saúde, uma vez que sua eficácia depende não só de técnicas e tecnologia, mas também do diálogo entre médicos e pacientes. Entretanto, o atendimento à saúde está sendo subutilizado na medida em que é evidente a ausência de humanização entre profissionais da saúde e pacientes nas consultas.

A falta de diálogo e relacionamento pode ser explicada pela má vontade de muitos médicos no trabalho. Isso se dá pelo fato de que muitas pessoas optam por cursar medicina visando apenas retorno financeiro que a profissão poderá trazer. Dessa forma, a falta de gosto pela questão médica resulta profissionais sem aptidão, capacidade e nem vontade em tentar ajudar o paciente. Sendo assim, não há comprometimento sobre o que o paciente te a dizer a respeito do seu bem estar e, em seguida, tentar solucionar.

Em consequência disso, há aumento no número de mortes e agravamentos dos quadros clínicos. A medicina não deve se limitar apenas ao atendimento através de equipamentos e receita de medicamentos sem antes tentar entender sobre os sintomas, questionamentos e história que o paciente em para relatar. Caso isso seja negligenciado, aumenta o número de diagnósticos errados que, por consequência, não vem acompanhados de tratamento adequado resultando assim em mortes que poderiam ser evitadas caso o relacionamento fosse melhor.

A humanização no atendimento à saúde, portanto, não é praticada o quanto deveria. Dessa forma, as faculdades de medicina podem colocar como matéria obrigatória ética médica, na qual instrua os alunos sobre a importância de um bom relacionamento médico – paciente. Além disso, os pacientes podem forçar diálogos com os médios, sempre relatando o que sentem e questionando suas dúvidas. A partir disso, podemos entender que a humanização no atendimento à saúde representa uma arma contra a morta indevida.


Deixe seu comentário

  • Campo obrigatório


Comentários enviados

  • Correção Gratuita
    Enviado por Sirleide Almeida

    Você demonstra um bom domínio da modalidade escrita padrão, porém percebo algumas falhas que comprometem o seu texto. Abaixo, destaco-as, observe com atenção: “Humanização no atendimento a (à) saúde: uma arma contra a morte indevida (O) B(b)om relacionamento entre pacientes e médicos. Esta ação representa um importante fator no processo de atendimento à saúde (dos cidadãos), uma vez que sua eficácia depende não só de técnicas e tecnologia, mas também do diálogo entre médicos e pacientes. Entretanto, o atendimento à saúde está sendo subutilizado na (à) medida em que é evidente a ausência de humanização entre profissionais da saúde e pacientes nas consultas. (Este parágrafo pode sintetizado assim: “O atendimento à saúde (dos cidadãos está sendo subutilizado na (à) medida em que é evidente a ausência de humanização entre profissionais da saúde e pacientes nas consultas.”. O resto é desnecessário, pois apenas repete ideias .). A falta de diálogo e relacionamento (no atendimento) pode ser explicada pela má vontade de muitos médicos no trabalho. Isso se dá pelo fato de que muitas pessoas optam por cursar medicina visando apenas (o) retorno financeiro que a profissão poderá trazer. Dessa forma, a falta de gosto pela questão médica ( que questão médica é essa?) resulta (em) profissionais sem aptidão, (que pode prejudicar na) capacidade e nem (na) vontade em tentar ajudar o paciente. Sendo assim, não há comprometimento sobre o que o paciente te ( tem) a dizer a respeito do seu bem estar e, em seguida, tentar solucionar (o problema). Em consequência disso, há aumento no número de mortes e agravamentos dos quadros clínicos (dos pacientes). (Esta parte ficaria melhor no parágrafo anterior) A medicina não deve se limitar apenas ao atendimento através de equipamentos e receita de medicamentos sem antes tentar entender (entender, com atenção,) sobre (retirar palavra anterior) os sintomas, (esclarecer eventuais) questionamentos e (ouvir com a devida atenção a) história que o paciente em (tem) para (a) relatar. Caso isso seja negligenciado, aumenta o número de diagnósticos errados que, por consequência, não vem acompanhados de tratamento adequado resultando assim em ( e tratamentos equivocados que resultam em) mortes que poderiam ser evitadas (, ) caso o relacionamento(atendimento) fosse melhor. A humanização no atendimento à saúde, portanto, não é praticada o quanto deveria. Dessa forma, as faculdades de medicina podem colocar como matéria obrigatória ética médica, na qual (,) instrua os alunos sobre a importância de um bom relacionamento médico – paciente. Além disso, os pacientes podem forçar (está palavra ficou estranha aqui, não?) diálogos com os médios (médicos), sempre relatando o que sentem e questionando suas dúvidas. A partir disso, podemos entender que a humanização no atendimento à saúde representa uma arma contra a morta indevida.” Como você pode observar não apresenta muitos problemas com a gramática, porém as falhas relacionadas a pouca desenvoltura em selecionar, em relacionar e em organizar as ideias no texto são bem evidentes. Algo importantíssimo nesse processo é elaborar um prévio esquema textual. Entretanto, como pode ser feito o projeto de um texto? Primeiramente, deve ler com atenção os textos motivadores e organizar mesmo que mentalmente os conhecimentos pessoais que trouxer sobre o assunto. A partir daí, decidir qual será o seu posicionamento em relação ao tema proposto. Feito isso, optará pelos fatos, pelas informações e pelas opiniões que realmente serão relevantes ao seu ponto de vista. Isso permitirá a exposição de uma argumentação coesa e consistente, na qual todas as partes se relacionam entre si, a fim de evitar a repetição e fragmentação de ideias. Além disso, lembre-se de que o texto dissertativo-argumentativo exige que, no primeiro parágrafo, contenha a apresentação do tema proposto e o seu ponto de vista em relação a ele. Será que você contemplou esses dois pontos no primeiro parágrafo de seu texto? Repare no primeiro parágrafo da sua redação, retirando as repetições, você apenas apresenta resumidamente o tema, o seu posicionamento fica implícito. Isso resulta em uma proposição incompleta, prejudicando, de certa forma, a argumentação e a conclusão. Por fim, elaborou uma proposta de intervenção pouco detalhada, porém ajustada à discussão desenvolvida. Contudo, o processo de escrita não se finaliza apenas em um texto, é necessário aprender com as dificuldades e ser persistente. Acredito que, em breve, com esforço, apresentará uma escrita mais madura que lhe permitirá alcançar os seus objetivos. Bons estudos!

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás