Título da Redação: A humanização tecnológica

Proposta: Humanização no Atendimento à Saúde.

Redação enviada há quase 3 anos por Victor Hugo Tavares Lopes


Não é de hoje que a qualidade da saúde pública brasileira é precária. A falta de médicos e baixa qualidade dos mesmos é o reflexo de um panorama muito mais amplo. Além de um número alarmante de pacientes não atendidos, os que são, sofrem com a frieza da maioria dos profissionais. Com isso, nota-se a necessidade de humanização na área da saúde.
Com o intuito de não criar ligações emocionais com os pacientes, muitos médicos se limitam a tratar dos mesmos sem se preocupar com seus problemas emocionais. Foi constatado que em diversos casos a psiquê negativa do enfermo contribuiu para a piora do seu estado de saúde, assim como a psiquê positiva do mesmo fez com que apresentasse melhoras em sua saúde.
Vale lembrar que o avanço da tecnologia influenciou nessa falta de tato dos médico, já que o contato entre o paciente e o clínico fica menor com o advento de aparelhos cada vez mais sofisticados. A relação entre o profissional e as pessoas aos seus cuidados está se restringindo a consultas de atualização de informações.
Portanto o avanço tecnológico deve estar intimamente ligado a forma como o paciente é tratado. O curso de medicina nas faculdades, deveria adotar como parte de seu ensino, matérias que levassem o estudante de medicina a se tornar um médico mais humanizado. Além de toda uma reestruturação na saúde pública, por parte do governo, fornecendo melhor condições de trabalho e de atendimento.


Deixe seu comentário

  • Campo obrigatório


Comentários enviados

  • Correção Gratuita
    Enviado por Sirleide Almeida

    Você demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal e apresenta alguns desvios gramaticais. Abaixo destaco algumas dessas falhas, observe com atenção: “A humanização tecnológica Não é de hoje que a qualidade da saúde pública brasileira é precária. A falta de médicos e baixa qualidade dos mesmos é o reflexo de um panorama muito mais amplo. Além de um número alarmante de pacientes não atendidos, os que são, sofrem com a frieza da maioria dos profissionais. Com isso, nota-se a necessidade de humanização na área da saúde. Com o intuito de não criar ligações emocionais com os pacientes, muitos médicos se limitam a tratar dos mesmos (tratá-los) sem se preocupar com seus problemas emocionais. (evitar a repetição de ideias) Foi constatado (por quem?) que em diversos casos (entre vírgulas) a psiquê (psique) negativa do enfermo contribuiu para a piora do seu estado de saúde, assim como a psiquê (psique) positiva do mesmo fez com que apresentasse melhoras em sua saúde. (Sempre é assim? Evite as generalizações, é melhor colocar que “pode contribuir”, “pode fazer com que apresente melhoras”) Vale lembrar (de) que o avanço da tecnologia influenciou nessa falta de tato (evitar linguagem coloquial) dos médico(s), já que o contato entre o paciente e o clínico fica (pode ficar) menor com o advento de aparelhos cada vez mais sofisticados. A relação entre o profissional e as pessoas aos seus cuidados está se restringindo a consultas de atualização de informações. Portanto (,) o avanço tecnológico deve estar intimamente ligado a forma como o paciente é tratado. O curso de medicina nas faculdades, deveria adotar como parte de seu ensino, matérias que levassem o estudante de medicina a se tornar um médico mais humanizado. Além de toda uma reestruturação na saúde pública, por parte do governo, fornecendo melhor condições de trabalho e de atendimento.” Além desses pontos, quero destacar que desenvolve o tema por meio de uma argumentação previsível, tente adicionar aos seus textos mais conhecimentos adquiridos sobre os assuntos, dados, analogias, estabelecendo um diálogo com leituras já feitas, ou seja, demonstre um pouco do repertório sociocultural que obteve ao longo da sua vida como estudante. Contudo, apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo. Os fatos e os posicionamentos utilizados estão relacionados ao tema e razoavelmente organizados em defesa de um ponto de vista, além de expor um repertório variado de recursos coesivos. Por fim, elaborou uma proposta de intervenção ajustada à discussão desenvolvida no texto. Ademais, continue se esforçando para alcançar os seus objetivos. Bons estudos!

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás