Título da Redação: É só mais um imigrante.

Proposta: Brasil: o destino dos sonhos.

Redação enviada há cerca de 3 anos por Natalia Sayuri


Do período pré-colonial ao mundo contemporâneo, o Brasil alojou diferentes etnias em suas terras, desde holandeses, no ciclo açucareiro, até japoneses no ciclo cafeeiro e mais tarde na segunda guerra. Isso deveu-se a um fator de atração resultante de seu crescimento econômico: oportunidade. Devido a essa miscigenação cultural e étnica, o Brasil é visto como o país dos “sonhos”, quando na realidade, os imigrantes que aqui chegam estao submetidos a uma relação análoga a escravidão e à xenofobia. A busca por melhores condições de vida e a possiblidade de enriquecimento não só atraiu os colonizadores e operários, mas tornou-se uma zona de convergência das imigrações sul-sul da globalização, principalmente entre os países da América do Sul.
Primeiramente, entre esses países está o Haiti e Cuba. Devastado fisicamente e economicamente pelo terremoto de 2010, aquele tem sido um local de deixa para os emigrantes forçados, mais precisamente por desastres naturais. E este tem seus médicos enviados à nação brasileira em virtude do programa “Mais Médicos”. Apesar da relevante concorrência entre os cursos de medicina, o Brasil ainda carece de profissionalizantes em áreas afastadas dos grandes centros econômicos, como nas regiões norte e nordeste, ou seja, locais onde a remuneração e a infraestrutura são baixas.
Entretanto, os imigrantes forçados não são recebidos com um bom emprego e um bom salário, seus currículos são inválidos quando fora do país de origem. Engenheiros haitianos agora são operários em frigoríficos e outros são “trabalhadores” das empresas de confecções do estado de SP, devido à falta de políticas introdutórias dessa população a sociedade brasileira. O que difere dos médicos cubanos que são vítimas, não do descaso social, mas sim do excesso de nacionalismo. O programa tem sido criticado pela classe média que sugere que os médicos brasileiros são suficientes, quando pouco deles abrem mão da remuneração a favor da função social.
Portanto, o Brasil é um país ambicionado pelos imigrantes sul-sul, devido à sua etnia histórica diversificada e sua crescente economia. As oportunidades de ascensão são embelezadas por essa riqueza cultural e o “jeitinho brasileiro” o que pode resultar em um “sonho” para muitos estrangeiros quando os empregos, na realidade, são aqueles que os brasileiros descartam. É necessária a criação de políticas sociais de integração dos imigrantes a sociedade para que não se evolua os índices de pobreza. Os operários de 1933 de Tarsila do Amaral continuam representando a sociedade brasileira, mas não podemos dizer quem seria o haitiano ou o cubano, já que é só mais uma mão de obra.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás