Título da Redação: Redação sem título.

Proposta: A ostentação e o consumismo.

Redação enviada há mais de 1 ano por usuário anônimo.


A busca das pessoas pela aceitação por meio da ascensão econômica é uma realidade no Brasil e no mundo. Contudo, essa necessidade de ser aceito e seguido pelos outros está aumentando os problemas sociais devido ao consumismo presente na ostentação que acontece atualmente.
Pela televisão e internet é possível observar que a ostentação aparece, principalmente, em letras de funk que pregam quem tem roupas de marca, correntes de ouro e carros luxuosos valem mais do que os outros. O que é irônico, já que são músicas originadas, na maioria das vezes, em favelas.
Logo, a ostentação é uma mazela, visto que o preconceito pelas diferenças de classe é uma das ideologias, sendo que a falta de recursos é uma realidade de boa parte da população. Assim, para conseguir ostentar acaba-se gastando um dinheiro que não tem - acumulando dívidas -, deixando de se alimentar corretamente ou até optando pelo roubo.
Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse. Uma delas seria que o Ministério da Fazenda em parcerias com empresas de cartões de crédito e bancos, negociassem as dívidas da população. Outra medida seria que o MEC organizasse palestras, dadas por economistas em praças e escolas, informando sobre os problemas que o consumismo acarreta, posto que como Immanuel Kant disse: " O homem é aquilo que a educação faz dele".

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás