Título da Redação: Intolerância religiosa e (des)união

Proposta: A intolerância religiosa no Brasil

Redação enviada há cerca de 3 anos por Vitorio Scheffer


Sendo o Brasil um país de proporções continentais e habitado por europeus, africanos, asiáticos e muitos outros povos, é de se esperar que a nação seja palco das mais diversas religiões. Entretanto, a diferença entre crenças produz um efeito contrário do esperado: surge um espaço de violência e segregação entre as pessoas, impulsionado por uma intolerância de raízes históricas.
Tal discriminação tem vínculos com a colonização do país, e se faz presente desde o século XVI. Os cristãos europeus tentaram, desde o início, impor sua religião às tribos indígenas do Brasil. Isto ocasionou a perda gradual da cultura e das crenças dos índios. Posteriormente, o tráfico de escravos trouxe diferentes práticas religiosas para o país, mas estas foram desvalorizadas com o tempo: o candomblé se reduziu muito, a ubanda foi criticada duramente, e a macumba se tornou motivo de chacota. Isso ocorre ainda hoje, revelando o pensamento retrógrada do brasileiro ante às divergências religiosas. E tal intolerância vai além da mera ofensa verbal.
Ataques físicos a religiões menos conhecidas são frequentes: só no ano de 2014, foram mais de 400 os casos de agressão a terreiros de candomblé no Brasil. Segundo o Instituto Datafolha, 90% dos que cometem crimes a essas religiões possuem suas próprias crenças e seguem instituições maiores, como a Igreja Católica. E mesmo que esta pregue a paz e a união entre pessoas de diferentes etnias, o que se vê é justamente o oposto: povos cada vez mais segregados e mais esquecidos sobre aquilo que quase todas as religiões valorizam: o amor.
A diferença de credos e a intolerância são grandes, principalmente pela intensa miscigenação cultural que o país possui. Para reverter esse quadro, é essencial reconhecer que o preconceito ainda existe. Compreendido isto, as pessoas, principalmente os fanáticos religiosos, devem mudar de atitude, visando aceitar as diferenças e perceber que estas contribuem para o enriquecimento cultural da nação.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás