Título da redação:

Redação sem título.

Tema de redação: A crescente crise da mobilidade urbana brasileira

Redação enviada em 17/05/2019

Desde a Revolução Industrial, a utilização de tecnologia tornou-se mais avançada e com isso o capitalismo aumentou ainda mais o desejo de consumo da população. Entretanto, esse excesso de consumismo contribuiu para a diminuição do espaço de circulação de veículos e de pessoas nas grandes metrópoles do Brasil. O excesso de transportes produz uma série de problemas ambientais, como a poluição sonora e a atmosférica. A qualidade de vida da sociedade atual e das próximas estão comprometidas. A "Ética da Responsabilidade" é fundamental para diminuir toda essa situação ,visto que é necessário preservar o que se tem agora para que no futuro as outras gerações possam aproveitar. Ademais, outro problema que pode ser intensificado pela poluição é o surgimento de doenças respiratórias e que ao invés de haver investimento para uma boa mobilidade urbana, o dinheiro que poderia ser utilizado é gasto na saúde para o tratamento dos indivíduos, fazendo com que o trânsito continue caótico e sem os devidos reparos. Ademais ,o grande período de tempo gasto no trânsito provoca nas pessoas o aparecimento de doenças, como a ansiedade e o estresse. Além disso, elas ficam bastante agressivas umas com as outras, pois sempre há brigas ou discussões nas estradas. Mas nem sempre as pessoas brigam somente pelo motivo de estarem esperando um tempão em uma sinaleira por exemplo. Existem bons motoristas e maus, caso uma pessoa bata no carro da outra pode ocorrer uma briga. Mediante o elencado, é necessário que as pessoas utilizem com mais frequência ônibus coletivos, pois assis diminuirá a poluição e as brigas de trânsito. Imaginem se todas aquelas pessoas que estavam dentro do ônibus estivessem utilizando cada um, um carro iria poluir mais e aumentar as brigas de trânsito. Também é recomendável que as pessoas comecem a utilizar bicicletas, as bicicletas não poluem o meio ambiente ,ou seja é um meio sustentável.