Título da Redação: Sem título

Proposta: A “Camarotização” da sociedade brasileira: a segregação das classes sociais e a democracia

Redação enviada há mais de 2 anos por Ana Carolina Santos


Apesar de sempre haver uma divisão de classes sociais, nos séculos passados o ser era mais importante que o ter, já com a chegada da Revolução Industrial e do capitalismo o ter passou a se destacar. Dessa forma, nos dias atuais nota-se a "camarotização" da sociedade brasileira tornando o parecer uma questão para definir alguém. Como resultado, existe o poder de consumo, o sentimento de inveja para com o outro e, principalmente, o apartheid social.
Antes de mais nada, a "sociedade do espetáculo" está com grande notoriedade atualmente, onde ostentar algo caro basta para fazer parte da elite. Embora, não seja necessário ter condições financeiras favoráveis, utilizam também as redes sociais para mostrar uma vida de luxo e prazeres.
Por consequência, quem não consegue se enquadrar nesse padrão é brutalmente excluído do convívio sendo considerado inferior. Logo, gera a frustração e a inveja, assim, o mercado da falsificação de produtos de marcas caras vai crescendo absurdamente, já que, tudo vale para não ser taxado como pobre.
De certo, o apartheid social está cada vez mais presente, a segregação entre ricos e pobres é uma luta diária que grande parte da população enfrenta. Diante disso, a desigualdade traz problemas que afetam -em sua maioria- jovens que desejam ter o seu lugar em meio toda essa sociedade separatista.
Em suma, a harmonia democrática é algo raro na atual situação brasileira, essa "camarotização" mostra somente o lado negativo das pessoas. E, para que isso mude, é de grande importância a conscientização de que são todos iguais, independente da sua classe social, trazendo a união da população.


Deixe seu comentário

  • Campo obrigatório


Comentários enviados

  • Correção Gratuita
    Enviado por Sirleide Almeida

    Você apresenta domínio insuficiente do texto dissertativo -argumentativo, não atendendo à estrutura exigida com proposição, argumentação, conclusão e apresentação de soluções à problemática. O texto apresenta pouca reflexão sobre o tema, aborda com mais ênfase os assuntos relacionados do que o tema proposto. Acredito que isso tenha ocorrido, porque você se esqueceu de elaborar um prévio esquema textual. Entretanto, como pode ser feito o projeto de um texto? Primeiramente, deve ler com atenção os textos motivadores e organizar mesmo que mentalmente os conhecimentos pessoais que trouxer sobre o assunto. A partir daí, decidir qual será o seu posicionamento em relação ao tema proposto. Feito isso, optará pelos fatos, pelas informações e pelas opiniões que realmente serão relevantes ao seu ponto de vista. Isso permitirá a exposição de uma argumentação coesa e consistente, na qual todas as partes se relacionam entre si, a fim de evitar a repetições de ideias. Aconselho também que, nas próximas redações, procure apresentar uma argumentação menos previsível, utilize mais dados, faça analogias e enriqueça-os com leituras feitas sobre o assunto. Lembre-se de que, além de demonstrar proficiência escrita, o candidato deve mostrar que é um bom leitor. Pesquise sempre sobre o tema das redações que serão enviadas para avaliação aqui no site, este exercício fará com que tenha uma rica bagagem de leitura na hora da prova do ENEM, isso com certeza lhe dará também tranquilidade para redigir o texto. Por fim, elabora uma vaga proposta de intervenção, aconselho, porém, busque propostas mais detalhadas, pois, ao refletir sobre o detalhamento das ações que serão sugeridas e ao conjecturar possíveis empecilhos, fará com que os leitores tenham maior confiabilidade naquilo que é enunciado. O que dá qualidade à proposta não é elencar várias propostas em seu texto, e sim, o detalhamento, que permite que o leitor possa avaliar a aplicabilidade de cada proposta. Para tanto, tenha em mente que uma ótima proposta responde as seguintes questões: o que será feito? Como as ações serão realizadas? Quem fará as ações? Contudo, o processo de escrita não se finaliza apenas em um texto, é necessário aprender com as dificuldades e ser persistente. Acredito que, em breve, com esforço, apresentará uma escrita mais madura que lhe permitirá alcançar os seus objetivos. Bons estudos!

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás