Título da Redação: Da idade média a idade moderna

Proposta: A “Camarotização” da sociedade brasileira: a segregação das classes sociais e a democracia

Redação enviada há quase 3 anos por Rafaela Ferraz


A “camarotização” é um fenômeno social que consiste na separação física entre diferentes elementos da sociedade, que ocorre de várias formas como a divisão em relação à condição financeira, segregando as classes sociais. Posto que, a sociedade coloca à margem, os mais desfavorecidos e privilegia os que possuem maior poder aquisitivo.
Assim, da idade média a idade moderna a segregação da comunidade sempre esteve presente na hierarquia social, como nos torneios dos cavaleiros medievais, em que eram separados entre os nobres que assistiam a disputa de uma posição mais elevada, enquanto os camponeses, comerciantes, e os servos ficavam mais abaixo torcendo pelos guerreiros durante a competição.
A exemplo disso, a sociedade atual dividiu os bairros, o lazer, como os shows e baladas, e até mesmo a saúde e a educação, em que os mais ricos tendem a pagar por convênios médicos e escolas particulares - ao passo que, os mais pobres vivem nas favelas, utilizam do SUS (Sistema Único de Saúde), e das escolas públicas que são deficitários e não suprem as necessidades básicas de um cidadão. E desse modo, acabam por criar uma “válvula de escape”, como os bailes funks, para a diversão dos mais jovens, já que não conseguem fazer parte da classe que vai aos shoppings, boates, entre outros locais mais abastados. E como também o rap, que em forma de poesia, os membros da favela, em sua maioria, demonstram a insatisfação com as desigualdades sociais que os assolam.
Portanto, como o próprio substantivo “camarote”, exemplifica o ato em se colocar acima do outro, ao segmentar a sociedade de modo à prejudicar a interação social e a igualdade entre classes, se opondo até mesmo ao ideal de democracia, já que todos deveriam possuir os mesmos direitos, mas que na verdade vivem as diferenças em situações completamente antagônicas, em âmbitos tanto econômicos, como sociais e culturais.


Deixe seu comentário

  • Campo obrigatório


Comentários enviados

Não existem comentários. Seja o a comentar neste texto.

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás