Título da Redação: "Camarotização": A luta de classes do XXI

Proposta: A “Camarotização” da sociedade brasileira: a segregação das classes sociais e a democracia

Redação enviada há cerca de 3 anos por A.G


O avanço da segregação entre classes prejudica os menos favorecidos no círculo social mas alavanca a posição das elites, grupos camarotizados dentro da sociedade. Assim, a divisão de classes dificulta ainda mais o acesso a serviços públicos de qualidade para aqueles que estão a mercê da pobreza.
A continuidade da "camarotização", segregação, propicia a ocorrência de conflitos entre classes. Por sua vez, a luta de classes dificulta o convívio entre os membros da sociedade e exige a ação de medidas por parte do Estado.
As possíveis medidas de intervenção devem atrelar-se a melhorias em escolas, hospitais, como também, em redes de transporte público. Pois, a falha implantação de serviços públicos incrementa uma maior procura pelo setor privado, propiciando ainda mais a "camarotização". Desse modo, deve-se implementar ações que ampliem o acesso da democracia por meio da disponibilização de serviços de qualidade e dignos para toda população.


Deixe seu comentário

  • Campo obrigatório


Comentários enviados

  • Correção Gratuita
    Enviado por Ariana Lobo

    A introdução está incompleta, não situa o leitor acerca do tema que será discutido. A argumentação é confusa e superficial. Por que a divisão em classes dificulta o acesso dos mais pobres aos serviços públicos? Por que a "camarotização" propicia conflitos entre as classes? Falta interdisciplinaridade. A proposta de intervenção diz o que deve ser feito (a implementação de "ações que ampliem o acesso à democracia por meio da disponibilização de serviços de qualidade dignos para toda a população"), mas não diz quem deve fazer e nem como deve fazer.

Rua 235, Número 294. Setor Leste Universitário. Goiânia/GO. Telefone: (62) 3209 6034

Projeto Redação © 2018 - Orgulhosamente Feito em Goiás